O inchaço físico te incomoda? Descubra 5 alimentos que causam esse problema

Nenhuma pessoa gosta de ficar com aquela sensação de inchaço, não é mesmo? Com aquele volume que a deixa mais empanzinada e com a aparência de estar maior. Mas, sabia que isso pode ser resultado da retenção que líquidos que alguns alimentos ocasiona?

Esses alimentos podem parecer inofensivos, mas podem gerar um sério impacto no peso, na celulite e também na pressão arterial.

Portanto, conheça na lista a seguir alguns exemplos desses alimentos que podem provocar o inchaço e tome bastante cuidado com eles.

1. Molho shoyu

Às vezes, a pessoa nem nota a quantidade de molho shoyu que utiliza para temperar uma refeição do restaurante japonês. No entanto, é preciso ser bem cauteloso com ele porque o produto é muito rico em sódio.

As versões light do molho até têm uma redução de aproximadamente 25%. No entanto, mesmo com essa diminuição, um molho shoyu light ainda apresenta uma quantidade muito expressiva de sódio.

Para quem gosta do molho, a dica é sempre comprar de marcas com o menor teor de sódio possível e ter o cuidado de moderar  na quantidade que coloca em seus pratos.

Conforme a Escola de Saúde Pública de Harvard T. H. Chan, o acúmulo de sódio faz com que o corpo retenha líquidos, o que provoca o inchaço. Além disso, o excesso de sódio pode resultar em problemas sérios como pressão alta, ataque cardíaco e também acidente vascular cerebral (AVC).

2. Amendoins

Estamos falando dos amendoins japoneses que são bem salgadinhos por receberem a adição de sal. O resultado é um petisco com muito sódio. O mesmo vale para qualquer tipo de semente, castanha ou nozes comercializadas cheias de sal.

É muito raro comer só duas ou três unidades desses produtos. Geralmente, a pessoa consome um punhado ou até mesmo um pacote inteiro de uma só vez. Assim, após terminar o lanchinho, ela terá ingerido bastante sódio.

Portanto, o ideal é evitar os amendoins, sementes, castanhas ou nozes que vêm salgados e preferir sempre as versões in natura desses produtos.

3. Embutidos

O grupo dos embutidos reúne itens como presunto, mortadela, linguiça, salsicha, salame, entre outros. Eles possuem uma quantia grande de sal de cura e de sódio, que vão aumentar a pressão e também o inchaço.

Você gosta desses produtos? Então, aprenda a preparar versões mais saudáveis e caseiras deles, como a mortadela de frango fit caseira e a linguiça caseira de frango fit.

4. Salgadinhos de pacote

Certamente, você já sabe que eles não são aliados da nossa saúde. Além disso, os salgadinhos de pacote costumam apresentar bastante sal e sódio.

Mas e se o salgadinho for assado e não frito? Bem, o fato de ser assado tem uma relação com a quantidade de gorduras presentes no produto, não com a de sódio.

Normalmente por ter menos gorduras, os fabricantes aumentam ainda mais o teor de sal (e consequentemente de sódio) nos salgadinhos assados.

O ideal é evitar ao máximo esses salgadinhos industrializados. Para quem aprecia muito deles, a alternativa são os chips de batata doce saudáveis e crocantes que dá para fazer em casa.

5. Molhos industrializados para salada

Ninguém imagina que está abusando do sódio quando come salada, não é mesmo? Pois é, mas isso pode acontecer quando você tempera a salada com alguns tipos de molhos industrializados que contêm muito sódio.

Inclusive, o motivo para não emagrecer mesmo comendo mais salada pode ser todo esse sódio do molho pronto colocado na salada, que vai causar mais inchaço.

Assim, o melhor é abandonar os molhos prontos e temperar as saladas com molhos mais naturais, feitos em casa mesmo. Conheça algumas receitas de molhos de iogurte para salada e outras de molhos de ervas para salada.

Siga o Personal André Zaady nas redes sociais:

Instagram

Facebook

Assista abaixo o programa Personal TV: